Os Processos
Cada cesta-mala tem, no mínimo, entre 8 a 16 horas de trabalho artesanal; de trabalho das nossas próprias mãos. Artesanato significa que cada peça foi criada em pequena escala com cuidado e dedicação. Uma quantidade menor de produção permite-nos oferecer um melhor controle de qualidade e um senso de individualidade:o seu.
Saiba mais sobre esta Arte Portuguesa e como a sua Victoria Handmade foi feita:

1º: A Apanha e Preparação da Matéria-Prima

junco português
Apanha de junco nos terrenos alagadiços de Portugal; A sua cor original é um verde escuro;
sustainable fibers
Secagem natural sob o forte sol de verão; Transição de cor para uma tonalidade creme;
slow fashion
Limpeza manual de outras plantas que não a nossa matéria-prima em cada molho de junco capturado.
cortar o junco, matérias amigas do ambiente
Separação dos molhos grandes em pequenas porções para cortar nas diferentes medidas das peças;
made by nature
Lavar e enxofrar o junco para retirar as impurezas;
Remoção da espiga / semente do junco e escolha dos mais claros para tecer peças naturais, dos juncos escuros para tingir;
natural pigments
Tingir o junco e juta – paleta de 8 cores tingida uma de cada vez;
natural drying
Secagem natural ao ar livre do tingimento de cor;

2º: O Tecer

weaving the web
Urdir a teia do tear com juta natural para dar sustentabilidade às peças;
tecer o junco
Tecer as esteiras principais nas suas diferentes cores e padrões;
cortar o tear
Cortar o tear entre as esteiras para separar as cestas umas das outras;
atar os cadilhos das peças
Cortar o excesso de junco das esteiras;
cortar excesso de junco
Atar os cadilhos da juta para prender os juncos à sua esteira;
repeat
Repetir todo este processo de tecelagem para voltar a fazer um segundo tear de laterais para as peças, dois cantos por esteira;

3º: Os Acabamentos

eco friendly fashion
Aplicação do acabamento protetor eco-friendly que previne a humidade e preserva a cor da peça por mais tempo;
eco friendly leather
Corte e produção de cantos, alças de mão, de ombro e fechos em couro eco-friendly;
sew baskets
Coser a esteira principal às laterais de junco ou couro, para dar corpo à peça;
ferragens
Colocação manual de ferragens;
wicker wings
Colocação de asas de vime; A verga tem de estar 1º imersa em água durante algumas horas de modo a tornar-se flexível para torcer em trança e dar forma às asas a colocar na cesta;
close baskets
Colocação de fechos de trinco ou magnéticos;
details that matter
Retoque final de cor; Derivado aos métodos tradicionais de cosedura, a agulha perfura a esteira principal aos seus cantos para estruturar a peça, ofendendo o junco e este parte na zona onde a agulha repassa: não é um defeito, mas feitio!
the label
Conclusão da peça: colocação da etiqueta da marca, que por sinal, é um nome de família!
baskets final result
O resultado final: uma peça de alta qualidade artesanal, intemporal, leve e feita da natureza diretamente das mãos do artesão até às suas. Só assim preservamos as Artes e Ofícios da sua extinção!

4º: O Que Ninguém Considera, Mas Faz Parte.

brainstorming collection
Pesquisa, brainstorming e briefing do desenvolvimento de novas coleções;
Fotografia: desde produto, modelo, produção … onde uma imagem vale mais de mil palavras;
Design Gráfico e comunicação de marca: onde gritamos bem alto quem somos e porque somos!
social media
A nossa janela para o mundo: gestão de redes sociais;
ecommerce web
Construção e manutenção da loja online e-commerce;
customer service
Gestão e follow up dos nossos queridos clientes;
packaging love
Gestão e embalamento de encomendas para o conforto da sua casa;
our store
O que é e será sempre um prazer: conhecê-lo e atendê-lo no nosso Atelier & Showroom